29.8.06

Cartas a um Jovem Escritor

Para quem gosta de escrever, mas como eu não sabe se tem vocação para tal, recomendo o livro Cartas a um Jovem Escritor, de Mario Vargas Llosa. A leitura acaba rapidinho, e isso é um sinal de que o autor faz o que prega - escreve de forma persuasiva.

“...um homem ou uma mulher desenvolve precocemente, na infância ou no começo da adolescência, uma predisposição para fantasiar pessoas, situações, casos, mundos diversos do mundo em que vive, e essa inclinação é o ponto de partida do que mais tarde poderá se chamar vocação literária. Naturalmente existe um abismo entre essa propensão para se afastar, nas asas da imaginação, do mundo real e da vida de verdade, e o exercício da literatura, abismo este que a maioria dos seres humanos não chega a cruzar.” (Pag. 7)

26.8.06

Classificados

Procura-se trabalho 1/2 turno.
Se você já ouviu falar em algo do tipo, deixe aqui sua dica.

Ass.: Alguém que deseja descobrir sua verdadeira vocação,
mas não tem tempo.

Marginal

"Um belo dia, resolveram me chamar de Planeta. Agora, de Anão. Ora, quem são vocês? Eu pelo menos sei quem sou: apenas um corpo à margem do sistema solar. Deixem-me em paz aqui, nesta zona fria. Basta-me minha amante Caronte, que já me aquece o suficiente", disse Plutão a cientistas da União Astronômica Internacional sobre ser rebaixado à categoria de Planeta-Anão na última sexta-feira, 25.


O planeta Plutão
e seu satélite
Caronte (Charon):
amantes

18.8.06

Uma fábula para meu filho

Pessoas-girafas passeiam pelo nosso bairro. Elas têm cerca de três metros, sabia? Alcançam quase tudo: o teto da nossa casa, as folhinhas daquela árvore... Para encará-las, você precisa esticar bem o pescoço. As pessoas-girafas não têm nada de assustador. Podem até parecer orgulhosas, mas no fundo são muito “fofas”, como diria sua tia Ana. Fofas e acolhedoras, gentis e espertas também. Estão sempre com as antenas ligadas no que acontece à sua volta, e fuçam tudo o que é de mais secreto com seus narizes enooormes. Quando eu era pequena, queria ser uma pessoa-girafa. E você?

(Texto dedicado a Tio Paulinho Couto e Tia Ana Helena. Paulinho, porque gosta de fábulas e bichos. Ana, porque vai ter para quem contar essa história logo-logo. Ambos, pelo estímulo... e por serem pessoas-girafas.)

4.8.06

O que eu não falei

oi!
vc costuma se recordar de seus sonhos? eu lembro tudo em detalhes... este e-mail é justamente pra te contar que já sonhei várias vezes com vc. não se preocupe, não foi nada erótico (rs). e isso é o mais intrigante.. já sonhei que vc conduzia uma excursão, eu estava lá no meio dos turistas, seguindo suas instruções. tb fomos juntos ao supermercado em outra situação onírica, tudo pra não perder o ritmo da conversa que iniciáramos há muitas horas. e no sonho seguinte resolvemos encontrar um lugar pra beber e conversar, novamente porque não conseguíamos nos separar assim, tão fácil. eu só queria falar com vc..